PlayStation junta-se ao boicote ao Facebook

A Sony PlayStation é o mais recente grande nome a juntar-se ao boicote ao Facebook e suas companhias associadas, anunciando que não vai colocar campanhas publicitárias nas plataformas de Mark Zuckerberg durante o corrente mês de julho.

A PlayStation junta-se assim a mais de 300 empresas que protestam contra a forma como as redes sociais gerem o discurso de ódio debaixo da campanha #StopHateForProfit. A Sony indicou ainda que não vai publicar nenhum conteúdo pago no Facebook e Instagram, o que significa um blackout total de um mês. Apesar do boicote, o vice-presidente do Facebook já garantiu que a empresa não fará alterações às suas políticas com base na pressão motivada por receitas.