Apple: iPhone SE 2020 leva muitos a trocar Android por iOS

De acordo com estimativas de vendas publicadas recentemente, as vendas de iPhones nos EUA caíram 23% no segundo trimestre de 2020 (em relação ao mesmo período de 2019), mas o iPhone SE 2020 é apontado como uma “excepção,” com vendas acima das expetativas.

Em termos gerais, as vendas de equipamentos nos Estados Unidos da América caíram 25% no segundo trimestre deste ano, mas a Apple e Samsung conseguiram vender mais do que as outras marcas, graças à sua forte presença online. No caso da Apple, o iPhone SE 2020, lançado em abril passado, ajudou o volume de vendas da marca de Cupertino ao longo de todo o trimestre. Mais de 30% dos compradores do SE estavam a fazer um upgrade dos modelos iPhone‌ 6s ou mais antigos, mas o mais surpreendente é que 26% migraram do ecossistema Android, um número mais elevado que o habitual.

“Os volumes da Apple cresceram ao longo do trimestre, ajudados pelo iPhone SE. Não foi um lançamento típico da Apple, com a pompa e circunstância de uma apresentação no Steve Jobs Theatre, mas o dispositivo tem sido um sucesso e tem vendido acima das expetativas.”

 

 

Segundo alguns analistas, é improvável que o iPhone SE 2020 vá prejudicar as vendas dos modelos de iPhone deste ano, uma vez que os seus compradores são “mais pragmáticos” em relação ao preço, menos preocupados com a conetividade 5G e não consideram o ecrã de tamanho mais reduzido como “um problema.”